Miguel FGF
Lilypie Kids birthday Ticker
João FGF
Lilypie 4th Birthday Ticker
 

1 ano…

img_5868.JPGFez este sábado um ano que recebemos mais um presente para a nossa família… o João. Recapitulando o que se passou em Abril de 2006 para memória futura: dia 17 (segunda-feira) fomos à Estefânia fazer mais um CTG e mais um toque e o veredicto da médica foi “O colo do útero está muito alto, isto não vai acontecer nada nos tempos mais próximos. Acho que podemos marcar uma cesariana para dia 1 de Maio”, e assim fomos descansados para casa pensando que ainda íamos ter de esperar mais 2 semanas para ver a cara do nosso segundo bebé. Os dias foram passando tranquilos até às 23h de dia 20 (quinta-feira), quando nos levantámos do sofá para irmos dormir eu senti qualquer coisa estranha e disse ao Nuno “Acho que rebentaram as águas”, como devem imaginar não estávamos nada mentalizados para qualquer sinal de parto depois da conversa da médica… mas lá confirmámos que realmente o João estava com vontade de nos conhecer e começámos os preparativos, ligar aos avós, arranjar alguém para vir tomar conta do Miguel que dormia a sono solto, vestir qualquer coisa, pegar nos sacos e rumar para a maternidade. Quando lá chegámos não havia nenhum médico disponível, estavam todos no refeitório, depois de uma pequena espera lá me fizeram o toque e constataram que apesar do colo do útero continuar alto as águas tinham mesmo rebentado e que já não havia nada a fazer a não ser esperar pelo desenrolar dos acontecimentos. E foi isso que fizemos entre a meia-noite e as 9h30m do dia 21… esperámos e desesperámos. Depois do filme que tinha sido o nascimento do Miguel, tentámos alertar as médicas para a GRANDE probabilidade de que tudo tivesse de acabar em cesariana como tinha acontecido 2 anos antes, mas a resposta que davam era sempre a mesma “Vamos ver como evolui, vá fazendo força nas contracções, a dilatação está a ir bem e o bebé não está em sofrimento”, só que como devem calcular ao fim daquelas horas todas na sala de partos e sem dormir desde a noite de quarta-feira o nosso humor já não era o melhor. A epidural voltou a não pegar e eu voltei a ter as dores todas e a certa altura lá nos dizem que temos mesmo de ir para a cesariana porque confirma-se a “incompatibilidade feto-pélvica” que já tinha sido a causa da cesariana do Miguel (grande novidade!!!), podiam era ter percebido isso umas horas antes!!! Agora experimentem estar com as mãos e os pés presos a uma mesa do bloco operatório e a ter contracções para expulsão… daquelas bem fortes e compridas…. enquanto esperam pela anestesia geral, é uma experiência muito interessante. Da cesariana em si não me lembro de mais nada, depois lembro-me de acordar no recobro e de estar completamente histérica a dizer que ainda tinha contracções e que me tinham de dar qualquer coisa para as dores… o nosso cérebro é engraçado. Depois lá me mostraram o meu bebé lindo e fomos os dois para o quarto com o pai. E um ano depois as memórias mais dolorosas já não o são tanto e só nos lembramos das partes boas de ter o nosso João. Muitos parabéns ao nosso fofo!!!

CO2 libertado a andar um dia de carro

wwf_blackcloud.jpg

Impressionante…

Novo conceito de bancos para aviões

Falando de más ideias:

yourfile.gif

Pérolas…

- Oh mãe, vais-me contar uma história do Poupas ou uma história da boca (leia-se história inventada)?

- Mãe/Pai, depressa que o xixi está a chamar o piau…

Sincronização completa

No seguimento deste post, instalei no Windows Mobile o Oggsync, que é “grates”, e que permite sincronizar a agenda do Windows Mobile com o Google Calendar. Com algumas limitações na versão freeware: apenas um calendário e só eventos sem categorias. Não é a solução total, mas permite facilmente a sincronização Google Calendar – Thunderbrd – Windows Mobile.

Para quem quiser sincronizar diversos calendários e várias categorias existe sempre a versão a “pagantes”.

Como é que eu saí da tua barriga?

De há uns tempos para cá o Miguel faz várias perguntas sobre o nascimento dele e sobre o estar na minha barriga… às vezes lembra-se de apontar para a minha barriga e dizer que quer ir para lá, outras vezes faz perguntas e afirmações que me espantam:

- Por onde/como é que “eles” me tiraram da tua barriga?

- Lembro-me de sair… estava muito barulho!!!!

Será mesmo verdade que temos lembranças do nosso nascimento?

Cortinados…

Para quem não sabe desde que nos mudámos para o Parque das Nações em Julho de 2005 que as nossas janelas da sala não têm cortinados. No final de Março comprámos finalmente os cortinados e pensámos em fazer surpresa aos nossos pais e não lhes dizer nada até eles os verem pendurados mas esquecemo-nos de que temos o filho mais cusco deste mundo e que portanto qualquer coisa que se passe em nossa casa é sempre contada aos 4 ventos. Assim sendo, fosse pelo telefone ou pessoalmente tanto os nossos pais como amigos ficaram logo no dia seguinte a saber que havia uma novidade de peso lá em casa… cortinados para a sala!

Pensando nisto em termos de cortinados nem parece muito mau, até é hilariante, mas imaginem tudo o resto que ele pode contar… é de meter medo!!!!!

Biberão não!!!

A última mania do nosso filho João é que à noite não quer beber o leite pelo biberão antes de ir para a cama o que leva a que acabe por beber o leite… à colher!!! Como devem imaginar dar 250ml de líquido a um bebé de 11 meses com uma colher de sobremesa não é tarefa fácil nem limpa. Assim sendo as noites acabam sempre com um babete nojento, mãos e cara pegajosas e um pijama para lavar, isto quando as roupas dos pais não são também atacadas pelo leite “voador”.

A minha função é enfiar-lhe a colher na boca e a do Nuno é fazer macacadas para que as mãos do João não atinjam a colher (se imaginarem a cena verão que é hilariante). Quando ao fim de 20 minutos a guerra acaba ele vai para a cama com o sorriso mais fofo como que a dizer “soube-me mesmo bem este leite, era mesmo do que eu estava a precisar para dormir uma boa noite de sono”, por isso eu pergunto “porque é que não bebe o leite pelo biberão e poupa tempo e trabalho a toda a gente???”.

Finalmente: Sincronização (escrever e ler) entre Google Calendar e Mozilla Thunderbird

Sigam este tutorial, se estiverem interessados em sincronização entre Google Calendar e Mozilla Thunderbird. Funciona a 100%